Principais Cases

Conheça nossos cases de destaque desenvolvidos ao longo de 31 anos.

Dafiti – Jundiaí

Descrição do projeto

Região: Jundiaí

Atuação: Centro de Distribuição

Área Construída: 30.000 m²

A solução proposta por nosso corpo técnico consiste na distribuição de luminárias para uma iluminância média de 300 lux na área de prateleiras (área 2- P.D. 2,3m) e na área de estoque livre (área 3- P.D. 2,3m) e iluminância média de 200 lux na área de porta-pallets e docas (área 1 – P.D.12m).

Área 1:

Mantendo a situação atual, temos a distribuição de luminárias para 4 fluorescentes de 54W (utilizando as luminárias existentes para uma iluminância média de 200lux, previsão de acionamento no quadro de distribuição e tempo de funcionamento igual ao tempo de operação, considerando 14 horas em média).

Comparando a situação atual com o sistema proposto (alta eficiência) as existentes seriam substituídas por luminárias com 2 lâmpadas fluorescentes T5 54W atingindo 30% de economia de energia em relação à solução convencional.

Área 2:

Distribuição de luminárias de alta eficiência com 1 lâmpada fluorescente T5 de 28W para iluminância média de 300 lux.

A economia estimada é de 30% em relação à solução convencional.

Previsão de acendimento por sensores instalados nos corredores setorizando em 3 partes, permitindo que seja acesa apenas a zona de atuação do funcionário.

É um sistema de controle de iluminação baseado no sistema DALI projetado para máximo conforto com economia de energia de até 75%.

A solução pode ser aprimorada ao associa-la a um sistema de automação interligado ao sistema da empresa, permitindo que seja aceso o corredor onde sinalizar a retirada ou guarda do produto.

A tecnologia de lâmpada a ser utilizada, lançada em setembro/12 e comercializada em dezembro/12 sintetiza a lâmpada e reator em um só equipamento, facilitando a manutenção.

Área 3:

Distribuição de luminárias de alta eficiência com 1 lâmpada fluorescente T5 de 28W nos três primeiros pavimentos (mesmo padrão da área 2) e luminárias de alta eficiência para 2 lâmpadas fluorescentes T5 de 54W (mesmo padrão da área 1) atingindo iluminância média de 300lux, previsão de acionamento por interruptores, permitindo que seja acesa apenas a zona de atuação do funcionário.

A economia estimada é de 30% em relação à solução convencional.

Conclusão:

Assim, calculamos a eficiência energética luminosa de cada área. Para isso, dividimos o Nível médio de Iluminamento do ambiente pela Potência específica, chegando ao valor da Eficiência Energética Luminosa de cada ambiente (em Lux/(W/m2)).

Esse termo nos dá a eficiência com que o sistema está transformando energia elétrica em energia luminosa útil (níveis de iluminamento nos pontos em que realmente se precisa iluminar).

voltar